sábado, 20 de março de 2010

Palhaço!!!








... que chora, porque o seu dia foi ontem, hoje, e será amanhã.
E todos os dias chora chorando de pena de si próprio.E porque quando o deixa de ser, lá no cantinho tal encantado, e porque lhe disseram que mentia. Mentiras verdadeiras, em que já não vai acreditando.
E chora, porque sem chorar, no palco não irá meditar, chora sua tristeza, sorrindo, com  alma feita,desfeita  .E de si próprio troça ao tropeçar, de tantas caras facetar .
Chorando de tanta tristeza,de alegria às pessoas manifestar , que chora do desespero que aperta, na penumbra das horas não dormidas, pela sensação de um trago amargo, sonhado acordado.
Chora palhaço chora, sem hora, envolto na mentira do  traço por si desenhado, que da alegria faz o passo, num andar descordenado, com a alegria estampada num rosto cansado, num coração destroçado humilhado, maldição que não engana, uma mão cravada no peito, apertando seu coração, que sangra de tanta emoção. A ausência do pensamento, pernas cansadas de tanto caminhar, cavalgando, qual cavalo louco, tantas horas a trotear, e a chorar, e alguém no seu dorso a acompanhar.
Palhaço que chora, de alegria quando voa um sorriso, mesmo de alguém que não é só seu, mas de tantas caras que sorriem, e que se esforça para agradar, ao olhar dos que  batem palmas de contentamento, e cansado te ergues, no limiar do desfalecer.
Que chora ,por ter pena de assistir ao descobrir a razão do seu exestir.
Palhaço que chora, quando o mundo se torna alegre, indiferente à tristeza de um ...NÃO.
E um dia já não vai chorar, será luto... de si próprio.


12 comentários:

J. FILIPE disse...

Também me sinto palhaço muitas vezes.

Abraço

Teresa Q. disse...

Perfeito e abrangente,e que atire a primeira pedra quem não se sentiu também já palhaço.Adorei como nos "retratas".

Beijinho

alfa disse...

...muitas vezes também o somos,palhaços...para esconder dos outros e até de nós próprios as dificuldades que sentimos em lidar connosco, com a vida e com os outros, mesmo sem a cara pintada e sem nome...Por outro lado, os palhaços, são apenas homens e mulheres... que despem o fato e tiramos as pinturas.No fundo somos apenas actores que interpretamos várias personagens...e um só.bjs

alina disse...

Sim senhor Vitor,muito bem dito.cada um de nos somos mais k palhacos(as vezes)adorei "ler-te".tenho muitas saudades tuas,muitas saudades das nossas conversas...constructivas..Em uma palavra so..ADORO-TE

alina disse...

Sim senhor Vitor,muito bem dito.cada um de nos somos mais k palhacos(as vezes)adorei "ler-te".tenho muitas saudades tuas,muitas saudades das nossas conversas...constructivas..Em uma palavra so..ADORO-TE

Anónimo disse...

Vítor, somos um mundo apalhaçado. Os que nos governam obrigam-nos a ser “palhaços”, no sentido de servir os seus macabros interesses, pouco se importando se tristes ou alegres. Mas quando somos palhaços de verdade, e seja lá o que isso for, é enorme o nosso virtuosismo…”desde daqui até à lua”…como alguém disse!
Tão triste, mas tão bonito o teu post.

B.A.

continuando assim... disse...

Bonito e triste ... verdadeiro .
Talvez por isso eu me lembro de nunca ter gostado de palhaços no circo...quando era pequenina.
Obrigada Vitor pelas tuas visitas e pelas palavras...

e...a mimha opinião valo só o que vale :)

bj
teresa

Anónimo disse...

sem palavras,ou melhor com muitas para dizer,porque sim todos nesta vida em determinados momentos somos palhaços e para que ninguem veja uma lagrima cair,mostramos um sorriso,com o coraçao despedaxado,mas o mais fantastico dos sorrisos colocamos na cara,e voce sempre com um sorriso para nós para que mesmo que tivessemos uma noite muito complicada bastava olhar para si para que ela se torna-se bem mais facil e mais divertida,e ai ja nem nos lembravamos da tristeza que em nos pairava,tenho saudades tanta alegria vivida tao bons momentos serei-lhe eternamente grata por pertencer a minha vida....:)

PizoLizo disse...

...De palhaço e louco...todos temos um pouco!
Somos simplesmente imperfeitos humanos.
Sinceramente está uma peça emotiva e tocante!
Gostei Mano.

pekenasutopias disse...

Tão triste este palhaço, Vitor...

Vitor disse...

…E tristeza a do palhaço, de quem se esconde de o ser!!!

Beijos e abraços

redjan disse...

E ainda nos dizem que os palhaços são coisas de rizo !