domingo, 18 de dezembro de 2011

A dez mil metros

Um avião que parte,uma paixão que chega,uma vida sem sentido,um voo com destino.
Um pássaro sem ninho,uma ave sem carinho,vidas trocadas,paixões ao rubro,um destino em risco,cilada preparada em menos de nada acima das nuvens não se dá por nada.
Uma vida anulada em sonhos desfeitos,promessas não cumpridas em conversas vãs,a altivez em forma de nudez,acima das nuvens tanta pequenez.
Um pássaro gigante com forro de metal,comanda o destino de quem dele faz caminho para à terra chegar,terra prometida como não há igual,a dez mil metros se torna irreal,descendo à terra se torna desigual.Engano no desencanto no pecado capital.
De fio a pavio tudo se torna destino,preso por um fio,se quebra a confiança na descrença de uma promessa,vivida sem vida,numa lenta agonia,olha para o céu,no horizonte um pássaro com forro de metal nele sentado comanda a vida de tantas vidas à terra prometida,sentidas e vividas!
E risco se cobra em nada trocar,pelo toque se faz anichar em penas de um sonho se faz um lar,desencanto que torna a chegar em voo picado não mais lá voltar.
ELE assiste,assentindo e consentindo as nuvens rasgar um pássaro gigante de forro de metal,aporta no porto da capital ,sem medo se faz anunciar qual deusa de encantar,vidas privadas,trilhos e encruzilhadas.

Norte sul,este,oeste...nada de novo!


4 comentários:

acácia rubra disse...

A 10 000 metros também há Natal. Pelo menos o sonho de o termos.

Um Bom Natal, Paz e Luz. Se tivermos estas duas últimas, já teremos um Natal.

Tudo de bom para ti, meu Amigo!

Beijo

Anónimo disse...

Um emaranhado de palavras que nos conduz a vidas de enganos a dez mil metros observadas

Fê-blue bird disse...

Meu amigo hoje passei aqui para lhe desejar um BOM NATAL junto daqueles que ama.
Espero e desejo que esteja tudo bem consigo?!

beijinhos

acácia rubra disse...

Vitor

Desculpa, deve haver algum problema com as tuas postagens. A última e esta agora não aparecem. Só temos acesso à " A dez mil metros"

Vê o que se passa.

Se não nos encontrarmos que tenhas um um ano de 2012 com tudo de bom. Tanto como o desejo para mim.

Beijo